Posts recentes

História ou Lenda

Deixei lá a minha alma!

O ORÇAMENTO PARA GÉNIOS

O PODER DA OPINIÃO

A POBREZA

A ilusão do sonho ...

As Religiões e Deus

O COELHO DA CONSTITUIÇÃO

As Torres Gêmeas

Casa Pia

Arquivos

Abril 2011

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Junho 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Tempo

Weather Forecast
Local Contractor Lists in All States of US
Local Contractors
Quarta-feira, 23 de Julho de 2008

Guarda - uma flor de neve

 

GUARDA
Uma flor de neve
 
És uma flor de neve
Fria e destemperada
A enregelar de ternura
Ó Guarda ó minha amada
 
Fria e encantadora
Acima de tudo verdadeira
És uma flor especial
Ó bela cidade da Beira
 
Quem te ama por ti sofre
Duma loucura sem fim
Por isso ó minha terra
Amar-te-ei até ao fim
 
O amor é como a neve
Encanta quando aparece
Vai-se diluindo com o tempo
Derrete quando arrefece
 
Luís Pragana
23-07-2008
 
 
 
 
 
publicado por Lausinho às 11:46
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim

Abril 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Sempre a assapar...

blogs SAPO

subscrever feeds